A ADSE precisa de ser defendida!

220705 Com8 FC ADSE 73fcd OS DIREITOS DOS BENEFICIÁRIOS TÊM DE SER ACAUTELADOS

A eleição do novo Conselho Geral e de Supervisão realiza-se num quadro em que é necessário garantir que os beneficiários têm uma voz firme dentro da ADSE, que não compactue com quem a quer destruir, assegurando os princípios de justiça e solidariedade.

Vários governos têm tentado desvirtuar a ADSE, defendendo a sua transformação numa Mútua ou numa instituição com funcionamento idêntico a uma seguradora, caminho que os beneficiários têm rejeitado e conseguido impedir.

Não está definitivamente afastada a intenção do governo de converter a ADSE “noutra coisa”. Para já, procura retirar direitos, manter a acumulação de saldos, encaminhando-se para a criação de um “fundo de reserva” e, inadmissivelmente, tem contribuído para o protelamento da regularizações das dívidas dos grandes grupos privados da saúde.

A Frente Comum voltará a apresentar uma lista ao Conselho Geral e de Supervisão, com o objectivo de continuar, dentro da ADSE, o trabalho de defesa dos direitos dos beneficiários e, fora dela, de denúncia dos ataques que lhe são feitos.

Ver comunicado

No dia 7 de Julho os trabalhadores estão em Luta contra o empobrecimento e por salários dignos

7julho cgtp e01ccMANIFESTAÇÃO NACIONAL DA CGTP-IN

O STAL convoca todos os trabalhadores para participar no Dia Nacional de Luta da CGTP-IN, nesta quinta-feira, dia 7, às 15 horas, em Lisboa.

Ver pré-aviso de greve

Este é mais um momento de luta convergente que contará com a participação dos trabalhadores da Administração Local, para exigir ao governo PS que altere o rumo que tem vindo a ser seguido, mobilize todos os meios e tome as medidas que permitam a melhoria das condições de vida e de trabalho dos trabalhadores do sector, de que se destacam:

- Aumento mínimo de 90 Euros para todos os trabalhadores;
- Aumento real dos salários, com um salário mínimo de 850 Euros;
- Correção da Tabela Remuneratória Única, de acordo com o n.º 3 do artigo 147º e o artigo 148º da Lei Geral do Trabalho em Funções Públicas;
- Atualização do subsídio de refeição para 7,50 Euros;

Ler mais...

Luta contra o empobrecimento, melhores salários e dignidade dos trabalhadores vai prosseguir

STAL DIVULGA CARTA ABERTA AO GOVERNO E ÀS AUTARQUIAS

O STAL - Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Administração Local e Regional promoveu esta amanhã – sexta-feira (dia 1) – uma Concentração Nacional junto ao Ministério das Finanças, em Lisboa, para exigir o aumento dos salários, a valorização das carreiras, a revogação do SIADAP, e o reforço do Poder Local e dos serviços públicos.

Ver carta aberta

VER FOTOS

Ler mais...

STAL divulga Carta Aberta ao Governo e às Autarquias contra o empobrecimento

1julho f5178CONCENTRAÇÃO NACIONAL NO MINISTÉRIO DAS FINANÇAS, DIA 1 DE JULHO

O Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Administração Local e Regional promove amanhã – sexta-feira (dia 1), entre as 10h00 e as 12h00, junto ao Ministério das Finanças, em Lisboa – uma Concentração Nacional de activistas, delegados e dirigentes sindicais, em que será dada a conhecer uma Carta Aberta ao Governo e às Autarquias a exigir o aumento dos salários, a valorização das carreiras, a revogação do SIADAP, e o reforço do Poder Local e dos serviços públicos.

Ler mais...

A maior greve dos últimos anos no Grupo ADP

AdN Vila Real2 ed780TRABALHADORES REJEITAM POLÍTICA DE ESTAGNAÇÃO SALARIAL

Os trabalhadores do Grupo ADP - Águas de Portugal cumprem hoje (quinta-feira, 30) uma greve de 24 horas, marcada por uma forte adesão, como indicam os números das primeiras horas desta acção nacional de luta, registando-se, nos turnos da noite e até ao momento, o encerramento da generalidade das estações de tratamento de águas (ETA) e de águas residuais (ETAR) por todo o País; sendo que, nas estações que se encontram a funcionar, o serviço está a ser assegurado por trabalhadores em greve, mas a cumprir os serviços mínimos decretados.

Ver fotos

Ver resolução

Ler mais...

Greve nacional por melhores salários e condições de trabalho, e pelo retomar das negociações

GreveAdP2 c4896TRABALHADORES DO GRUPO ADP PARALISAM AMANHÃ, DIA 30

Os trabalhadores do Grupo ADP – Águas de Portugal realizam amanhã – quinta-feira, dia 30 – uma greve nacional de 24 horas, em protesto pela intransigência do Conselho de Administração em responder, de forma positiva, às propostas apresentadas pelo STAL e pela FIEQUIMETAL, e por a Comissão Negociadora da empresa ter recuado no processo negocial em curso, tendo retirado a proposta que estava a ser discutida com as duas estruturas sindicais.

Ver fotos

Ler mais...

É urgente, possível e necessário aumentar os salários

Fc1 af74dTRABALHADORES DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NÃO ACEITAM EMPOBRECER A TRABALHAR

O governo PS afirma não haver dinheiro para, pelo 13.º ano consecutivo, corrigir a política de desvalorização salarial. São 13 anos nisto!

Não é verdade que não haja dinheiro, o que não há é vontade de valorizar os trabalhadores da Administração Pública!

Ver comunicado

Ler mais...

Luta por melhores salários e condições de trabalho

LutaAdP 30Junho site dc326 TRABALHADORES MOBILIZADOS PARA A GREVE NA ADP

Os trabalhadores do Grupo ADP – Águas de Portugal confirmam a realização da greve de 24 horas nesta quinta-feira (dia 30), face à intransigência da administração em responder, de forma positiva, às propostas apresentadas pelo STAL e pela FIEQUIMETAL, e pelo recuo da Comissão Negociadora da empresa que, no passado dia 9, retirou a proposta que estava a ser negociada com as duas estruturas sindicais.

Ver vídeo

Ver carta aberta

Ler mais...

Sindicatos entregam Carta Aberta a responsabilizarem a administração da AdP

AdP CartaAberta f6f95TRABALHADORES DA ÁGUAS DE PORTUGAL EM GREVE NO DIA 30 DE JUNHO

Uma delegação do STAL e da FIEQUIMETAL vai entregar, amanhã (terça-feira, 28), uma Carta Aberta à administração do Grupo AdP – Águas de Portugal em que a responsabiliza pela greve de 24 horas que os trabalhadores da empresa decidiram realizar na quinta-feira (dia 30), em defesa da sua dignidade e valorização profissional, e na sequência do recuo da Comissão Negociadora da empresa que, de forma inaceitável e revelador de má-fé negocial, retirou a proposta que estava a ser negociada.

Ler mais...

Por serviços públicos de qualidade e valorização dos trabalhadores

 MG 6479 low 096ebDIA INTERNACIONAL DOS SERVIÇOS PÚBLICOS

O STAL assinala nesta quinta-feira, dia 23, o Dia Internacional dos Serviços Públicos – aprovado pela Assembleia Geral da ONU em 2002 –, reafirmando a importância e a defesa da gestão pública das funções sociais do Estado consagradas na Constituição Portuguesa, e enaltecendo os trabalhadores da Administração Pública, com destaque para os Administração Local e Regional, pelo seu empenho, dedicação, esforço e profissionalismo na prestação dos serviços essenciais à população, mesmo nos períodos mais difíceis da crise pandémica.

Ver fotos

Ler mais...

O STAL está na rua, por todo o País, junto dos trabalhadores e populações

Site redes STALnaRua 18e86PELO AUMENTO DOS SALÁRIOS E PENSÕES, CONTRA O EMPOBRECIMENTO E O ATAQUE AOS DIREITOS

Os trabalhadores da Administração Pública, do sector empresarial e, em particular, os da Administração Local e Regional viram, nos últimos 12 anos, os seus salários congelados, as suas carreiras destruídas e reduzido o seu poder de compra. Acresce a esta dura realidade, um aumento acentuado dos bens essenciais, dos combustíveis e da energia.

Ver comunicado

Ler mais...

Pela solução pacífica dos conflitos

281429107 107589978622571 7618349312994927377 n b8da8PAZ SIM! GUERRA E CORRIDA AOS ARMAMENTOS NÃO!

O STAL apela à mobilização e à participação de todos os trabalhadores da Administração Local e Regional nos desfiles agendados para os próximos dias 25 (em Lisboa) e 29 (no Porto), reafirmando o seu compromisso em defesa da Paz, e expressa a sua solidariedade com os trabalhadores e os povos, os principais afectados pela guerra e a destruição.

Sabe mais

Ler mais...

Trabalhadores denunciam ambiente de trabalho repressivo e antidemocrático

AguaSJoao 66fdeNA EMPRESA MUNICIPAL ÁGUAS DE S. JOÃO

Os trabalhadores da Águas de S. João, EM SA, reunidos em plenário no dia 15 de Junho, decidiram dar a conhecer, publicamente, o ambiente de trabalho repressivo e antidemocrático que se vive na empresa, por força da gestão autoritária marcada pela atitude de “quero, posso e mando” protagonizada pelo Director-Geral da empresa, nomeado pela INDÁQUA, com a conivência do Conselho de Administração (CA), numa empresa municipal em que a Câmara detém a maioria do capital.

Lamenta-se que o CA – alertado para os referidos problemas numa reunião com o STAL e em que participou o actual presidente –, até ao momento, não tenha feito qualquer diligência no sentido de apurar a situação denunciada e as consequências de uma gestão opressiva e antidemocrática para com os trabalhadores, que dão o seu melhor na prestação do serviço público à população de S. João da Madeira.

Ler mais...

Pela valorização dos trabalhadores e pela conquista de direitos

Eleicoes low 78d3cELEIÇÕES INTERCALARES NO STAL DE CASTELO BRANCO NO DIA 22

Nesta quarta-feira, os associados da região de Castelo Branco do STAL serão chamados a eleger os órgãos locais do STAL – Mesa da Assembleia e da Direcção Regional – acto eleitoral fundamental para garantir o funcionamento democrático do Sindicato até ao final de 2023, data em que se realizarão eleições gerais no STAL.

Ler mais...

Trabalhadores mobilizados em defesa das suas propostas

GreveAdP site fab1dGREVE | GRUPO ADP | 30 DE JUNHO

 Os trabalhadores do Grupo Águas de Portugal decidiram realizar uma greve de 24 horas no próximo dia 30, perante a posição adoptada pela Comissão Negociadora da AdP que, não apenas continua a ignorar as propostas apresentadas pelo STAL e FIEQUIMETAL, como recuou no processo negocial em curso, retirando o que estava a ser negociado, o que é inaceitável e revelador de má-fé negocial.

Ver comunicado

Ler mais...